Limpeza e desinfecção

A limpeza e desinfecção não devem ser tratadas como simples preocupações estéticas, mas como medidas profiláticas ( Higiênicas ) de grande importância para a criação.

Como deve ser realizado:

  • Ao final de cada lote, retirar todas as aves da granja
  • Retirar toda a cama, e varrer o chão de todo o galpão.
  • Passar lança chamas em todo o chão. O uso de “vassoras de fogo” é de pouco efeito, já que apenas os micro-organismos atingidos diretamente pela chama serão destruídos e aqueles que estão dentro das crostas de sujeira superficial permanecerão vivos.
  • Lavar o galpão ( piso, muretas, telas, forro, cortinas por dentro e por fora, calçadas e arredores, comedouros, bebedouros, ventiladores e exaustores ), com água pura.
  • Raspar resíduo de lavação ao redor do galpão, quando necessário e recolher entulhos ao redor do aviário.
  • Lavar a caixa d´água e depois colocar vinagre ( 2 lt para 50 lt de água ) durante 48 h para tirar resíduos e a matéria orgânica das tubulações, em seguida esgotar a tubulação.
  • Pulverizar desinfetante a base de amônia quaternária 20% ( Usar 1 ml para cada litro de água )
  • Fazer uma caiação ( 8 sacos de cal / 200 lt de água ). O uso de cal é de pouco efeito no combate a microorganismos em aviários sendo sua ação muito inferior à amônia quaternária.
  • Espalhar cama nova
  • Para criação de frangos de corte, devemos fazer o controle de insetos (Cascudinho) – Usar 1 kg de Vetancid para 300 m², 3 dias antes do alojamento.

Reutilização de cama

  • Queimar penas dentro e fora do galpão
  • Picotar a cama ( De preferência com maquina ) e fazer 3 leiras no sentido longitudinal/transversal
  • Colocar 3 litros de água para cada m² de cama ( Dependendo da umidade da cama)
  • Deixar enleirada por 7 dias para fermentação
  • Colocar cal no piso na proporção de 200 gramas/m²
  • Esparramar a cama de forma uniforme e queimar novamente os resíduos de pena.

Lembrete: Colocar cama nova em 50% do galpão ( Onde irão ficar os pintinhos até o 12°dia )