Cama do Aviário

Cama do Aviário

A cama de um aviário é um importante fator que interfere nas condições sanitárias e no bom desenvolvimento do lote. Mesmo sendo uma ave mais rústica, o frango caipira também necessita de cama de boa qualidade. O material usado para forrar o piso do galpão deve ter uma camada de 3 cm de altura no verão e de 5 cm no inverno. A finalidade da cama é impedir que a umidade do chão e das fezes passe para as aves e também, evitar a formação de calos no peito e nos pés das aves que irão depreciar as carcaças quando forem para a comercialização.

Em função da dificuldade de aquisição de materiais para ” cama “, usam-se variados esquemas, sendo o mais comum o que segue:

  • Uso de maravalha ou cepilho de madeira em todo o aviário
  • No circulo de proteção: sempre cama nova
  • A cama reutilizada sofre queima e requeima das penas com ” vassoura de fogo”.
  • A cama reutilizada sofre tratamento com cal ( 1 saco de 8 Kg para cada 120 m² de área )
  • A cada 6 meses, retirada total da cama, limpeza e desinfecção geral das instalações.

Podemos usar os seguintes materiais:

  • Maravalha; Sabugo de milho picado; capins secos; casca de arroz; casca de café, além de outros materiais absorventes.

Uma cama de boa qualidade deve apresentar as seguintes propriedades;

  • Uma excelente capacidade de absorver a umidade, evitando o empastamento da mesma
  • Baixa condutividade térmica (Bom isolamento do piso)
  • Partículas de tamanho médio
  • Liberação rápida de umidade
  • Umidade por volta de 20 a 25%
  • Livre de substâncias indesejáveis (fungos, toxinas, etc.)
  • Fácil disponibilidade
  • Baixo custo

Ob: A cama contaminada pode trazer sérios prejuízos ao criador.